Terça-feira, 12 de Maio de 2009

Taras e tarados...(5)

Conheceram-se por acaso e «empatizaram» uma com a outra.

Eram as duas muito comunicativas e, apesar da diferença de idades, quando se encontravam, ocasionalmente, ficavam sempre longos momentos a conversar.

Foi assim que M. lhe contou que era filha de pais divorciados e filha única desse primeiro casamento dos pais; que ambos já tinham casado novamente, sendo que da parte do pai, tinha agora, mais dois irmãos e que sua mãe, com quem ela vivia mais o padrasto, não havia nem se queria mais filhos.

Perguntou-lhe  então nessa altura:

- Que idade tinha a M. quando a sua mãe voltou a casar?

Ela respondeu-lhe que tinha treze anos.

M. era muito bonita, muito bem feita e possuía uma alegria nata que não tinha nada que ver, com satisfação e bem-estar, já que muitas vezes confidenciava alguns problemas algo perturbadores para a cabeça de uma jovem.

- M. estava com vinte e um anos e ainda andava no secundário; fruto, talvez, de muitas insatisfações e negligências dos pais, ou, quem sabe, não fosse muito dada aos estudos! Era uma mistura de adulta e criança, já que tanto estava numa postura atilada, como no momento seguinte, se pronunciava infantilmente, sobre coisas que uma jovem com vinte e um anos, já não devia equacionar assim.

Um dia M. contou -lhe um anseio que a trazia confusa:

- Já ando farta do meu padrasto. Com a mania que decide tudo na minha vida, não me deixa quase ter um namorado! Logo que apareço com alguém, começa a por defeitos e a embirrar com ele até que ele acaba por ir-se embora. Faz isto sempre.

Para o meu padrasto estar feliz é eu não sair e fazer os serões com ele na sala até altas horas! Claro que eu adoro aqueles serões! Gosto tanto que por vezes se o tlm toca eu nem atendo... e ao outro dia digo que já estava a dormir!

 A minha mãe, coitada, deita-se cedo! Ela é jurista e vem sempre com a cabeça arrasada. Ao jantar bebe uns copos e depois vai dormir. Ela foi-se abaixo desde o divórcio. Não perdoa ao meu pai ele dar tão pouco dinheiro para mim!

Á noite eu fico com o meu padrasto na sala, deito-me de barriga para baixo no sofá e ponho os pés no colo dele. Então ele vai massajando, massajando e eu fico no céu! Enlouqueço mesmo! Nem os filmes que ele põe, me interessam, e, a ele acho que também não...

Aí questionou-a:

- E a sua mãe que diz a essas massagens pela noite dentro?

A minha mãe acha que o meu padrasto ainda se não foi embora porque gosta muito de mim, e que eu devo fazer-lhe as vontades para ele andar contente, pois que ela não aguentaria, outra separação nem ficar sozinha! Acha que não devo criar problemas com ele.

Mas, sabe, se ele continuar a abusar, quando eu encontrar algum rapaz mesmo fixe, não o aturo mais e ele que se vá embora para onde quiser!

Ps:

Naquele dia, quando se despediram, um turbilhão de ideias, todas negativas, lhe passaram na cabeça!

- Há imenso tempo que não vê, nem fala com M.

 

 

sinto-me: atenta
publicado por mcm às 13:01
link do post | comentar | favorito

.Eu...

.pesquisar

 

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Primeiras chuvas de Outon...

. Outono!

. Primavera!

. Hoje

. O circo

. Diz-se ...

. Destralhar ?

. Que triste!

. Mais um Natal!

. E aquele Blatter ?! ...

.arquivos

. Outubro 2016

. Setembro 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Agosto 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.Subscrever feeds

.links

.favoritos

. VIAGEM A PARIS E (DE GRAÇ...

. Diário de Rita... o beijo...

. «O diário de Rita»...home...

. «O diário de Rita»...

. O meu Blog Original...

. Boa Páscoa...

. Surpresa pela negativa!