Quarta-feira, 27 de Outubro de 2010

"Repasto" na tua cama...

Nos dias bons, na hora do almoço, víamos os jacarandá, em flor, no Parque Eduardo Sétimo...

Era Primavera; éramos namorados de fresco; éramos muito curiosos um do outro:

- Estavamos a aprender a conhecer-nos; a despertarmos a admiração mútua; a puxar para a superfície aquelas coisas boas que andavam ocultas, dentro de nós, por falta de oportunidade.

Nos dias muitos bons, desses dias de Primavera; da nossa primavera; depois - de vermos os jacarandá, de mão dada ou abraçados - íamos comer uma refeição leve às Galerias Ritz, e brindávamos ao nosso futuro, que achávamos nós, seria longo e interminável - tal era a felicidade que sentíamos e interiorizavamos...

Nos dias esplendorosos e excepcionais; bons; e muito bons, desse romance fugaz, depois de vermos os jacarandá; comermos uma salada e bebermos uma Imperial, íamos para o teu apartamento- ali perto - e fazíamos amor, sexo, e mais amor.

- Um intermezzo antes de voltarmos, como tu afirmavas, para "a selva" dos processos...

Foram tempos de muita paixão, esses, do nosso pequeno grande romance;

- Foram de paixão, porque a paixão nos possuiu a ambos; foram fugazes, porque terminaram no dia em que me disseste que eras casado; foi um pequeno grande romance, porque enquanto durou foi belo; intenso; arrebatador e fez-me sentir mulher, feliz e infeliz, coisa que há muito tempo não me sentia.

Não lamento nada desse nosso fugaz envolvimento:

- Não lamento os passeios; as refeições; o nosso "repasto" na tua cama! Éramos muito bons na tua cama...do teu apartamento de "solteiro".

Penso que eramos bons, em quase tudo o que faziamos juntos!

Sinto uma pequenina nostalgia, quando do alto do sétimo andar aonde me encontro, por vezes chego à janela e vejo os jacarandá, abertos e a deslumbrarem-me o olhar. A insinuarem-se para mim.

- São belos na mesma! Mas vistos à luz da paixão, tinham outras tonalidades. Tinham outras nuances.

Por norma depois deste pensamento, menos feliz, fecho de novo a janela. Ignoro os jacarandá... e a ti também.

Não alimento nostalgias; pensamentos falhados; fracassos pessoais.

A vida segue, sempre, para diante, e para cima... Os jacarandá voltam todas as Primaveras.

Eu sou assim! Olho para a frente.

sinto-me: apressadíssima...
publicado por mcm às 10:42
link do post | comentar | favorito

.Eu...

.pesquisar

 

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Primeiras chuvas de Outon...

. Outono!

. Primavera!

. Hoje

. O circo

. Diz-se ...

. Destralhar ?

. Que triste!

. Mais um Natal!

. E aquele Blatter ?! ...

.arquivos

. Outubro 2016

. Setembro 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Agosto 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.Subscrever feeds

.links

.favoritos

. VIAGEM A PARIS E (DE GRAÇ...

. Diário de Rita... o beijo...

. «O diário de Rita»...home...

. «O diário de Rita»...

. O meu Blog Original...

. Boa Páscoa...

. Surpresa pela negativa!