Terça-feira, 27 de Outubro de 2009

«O diário de Rita»...

(continuação)

...

Rita já acordou e, ainda deitada, pensa e divaga pelo seguinte:

- Hoje, se pudesse, ficaria a preguiçar aí umas duas horas, aqui na caminha!... E depois, lá pelas dez da manhã, levantava-me, sem pressas, e ia sentar-me na minha confortável sala de estar; abria um livro, fumava um cigarro, bebia um café e, preguiçava mais um pouco...

- Fumando, lendo e beberricando; café quente e cheiroso... E o mundo que se dane!

Entretanto olhava as horas, e, levantava-me do sofá e tomava então um banho de emersão – quente e longo – e fumava mais um cigarro, na banheira, e, enquanto isso, ia trauteando as canções que passassem na rádio e que eu soubesse de cor... e bem alto! Os vizinhos que se danem!

- Deitada na banheira, fumando e cantarolando... Seria a “dolce vita” de Rita... e sem espinhas nenhumas...

Quando o cigarro acabasse, erguia-me na banheira, puxava do meu toalhão turco, de cor  rosada indefinida e, embrulhava-me nele e arrastava-me, novamente e a pingar, até à sala, aonde, sem pressas e com algum cuidado , me acabaria por secar, totalmente... E, ainda nua, cabelo molhado e cheirosa, olhava agora, para a uma última linha, do parágrafo, (interrompido) do meu livro, apreendia-lhe o sentido e depois, atirava-o  para o chão ou para outro sofá e, dirigia-me, assim nua e cheirosa, e com o cabelo ainda molhado, para o meu quarto, onde escolheria a roupa que usaria, daí a pouco, num almoço requintado e em local secreto, com alguém que me agradasse... Que fosse a escolha acertada para o programa imprescindível e adequado ao resto do meu dia de “preguiça”...

- Sentada num bom restaurante - gourmet - com uma companhia também «gourmet» e depois...  que fosse o que os deuses quisessem... e Rita também!

Porém, Rita olha para o relógio e vê que se atrasou... quase meia hora!

- Rita caiu neste devaneio louco, saudável e absolutamente possível; e agora, enquanto corre para tomar banho, à pressa; sair de casa também à pressa; tomar café, à pressa e, assim, sem querer dar muitas «confianças», Rita confessa aqui ,ao seu diário, o seguinte:

- Rita nunca preguiça na cama; se está acordada levanta-se de imediato! Rita nunca lê, ou faz nada de útil, antes de tomar banho e café. Rita não fuma, mas já fumou, (muito) e gosta. Rita não toma banhos de emersão; só duche (pois não gosta e até, por isso, baniu a banheira.) Rita só anda nua, pela casa, se tiver um bom motivo para o fazer...

- Como por exemplo, correr atrás de algum “passaroco”, ou algum “zangão”mais metediços; ou fugir de uma osga...; ou para alguma performance mais caprichada que, na hora, seja a adequada...à circunstância...

Por hoje Rita já deu asas, QB, à sua loucura matinal e agora, vai pagá-las e correr (de carro e a pé) até mais não:

- Vestida, sem cigarros, sem banhos de emersão, sem almoços distendidos e sem preguiça de espécie alguma.

E é-lhe muito bem feita!

...

Continua

sinto-me: como pareço...
publicado por mcm às 11:17
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 26 de Outubro de 2009

QUEEN... (2)

 

«LOVE OF MY LIFE...»

 

http://www.youtube.com/watch?v=QtqADo-D3mQ

 

TAMBÉM GOSTO DESTA BALADA PELOS SCORPIONS...

AQUI FICA A DICA PARA QUEM GOSTAR DE BOAS BANDAS E GRANDES TEMAS. 

sinto-me: STRESSADA
tags:
publicado por mcm às 18:28
link do post | comentar | favorito

«O diário de Rita»...

(continuação)

...

Rita está nas calmas e espera que o Tempo passe; por ela... E que um dia, tenha oportunidade para o ignorar; para o deixar em roda livre... (coisa que talvez, jamais aconteça); sem lhe dar importância.

- O Tempo é o carrasco de serviço, nos dias de Rita! O seu tirano!

É ele quem comanda os seus minutos: segundo a segundo! Até porque Rita é fanática da pontualidade! (Culpa só sua... pois em Portugal pouca gente se preocupa com isso...)

Por mais que Rita tente não lhe dar importância, (de maior) ele, o Tempo, impõe-se e atormenta-a, de manhã à noite.

- Rita despacha-te! Já estás quase em cima da hora... Corre, apressa-te...

(ouve-o ela segredar-lhe a todo o momento)

Há uns dois anos atrás, Rita deixou, simplesmente, de usar relógio! E foi só mais uma das «suas» contestações fracassadas.

Agora, abre a gaveta onde guarda esses belos pertences e, a única coisa que lucrou, assim de imediato, é que estão todos parados, com as pilhas (os que as têm) acabadas e, os outros, os mais antigos e de corda, também não funcionam... como deve ser... Deixaram de ter a precisão necessária por falta de uso... ( Dizem-lhe, os entendidos,  que teria que, de vez em quando, que tê-los posto a trabalhar!...)

- Mas Rita só quer esquecê-los!...Qual corda, qual nada!... Fechados e às escuras, na gaveta! De castigo!

Rita gosta dos relógios, como objectos de adorno e como seus carrascos da pontualidade. - Aquela «coisa» odiosa que nos obriga, quer queiramos quer não, a fazer o que não queremos!

Aquilo que Rita não lhes perdoa é a sua implacável monotonia; das sempre previsíveis e inevitáveis vinte e quatro horas diárias; e no final contamos mais um dia...

Rita sabe que todas as vinte e quatro horas, que um relógio assinale e marque, contam como mais um dia de vida e de rugas e de chatices...Fora todo o resto: na sua vida e no seu BI! E é isso que Rita não gosta e foi por isso que Rita deixou de usar relógio... - Embora esteja cercada deles, assim distribuídos:

- Um na mesa-de-cabeceira, um no WC, outro no videogravador, outro na sua aparelhagem HIFI e, uns oito ou nove na tal gaveta... e, mais o do carro e mais o do TLM e mais os que estão ao longo das estradas onde Rita passa, por norma, e mais...todos os outros que estão nos locais onde cumpre o seu dia, e sem esquecer o do computador...

- É um verdadeiro cerco a que Rita não escapa... O cerco da contagem das horas que nos faltam para a velhice!

Embora que, para evadir a questão, Rita só veja, mesmo, as horas no seu TLM e no carro... e às vezes, se vê um homem giro QB e para meter conversa, pergunta-lhe:

 - Por favor, diz-me as horas?...

 E funciona, (a conversa) e lá se tenta mais uma abordagem a um eventual candidato a conhecido, amigo, ou o que der...

...

Continua

sinto-me: sem rugas (ainda)...
publicado por mcm às 11:03
link do post | comentar | favorito
Domingo, 25 de Outubro de 2009

FLORBELA ESPANCA...

 

 

 

Versos de Orgulho

 

O mundo quer-me mal porque ninguém
Tem asas como eu tenho ! Porque Deus
Me fez nascer Princesa entre plebeus
Numa torre de orgulho e de desdém.

Porque o meu Reino fica para além ...
Porque trago no olhar os vastos céus
E os oiros e clarões são todos meus !
Porque eu sou Eu e porque Eu sou Alguém !

O mundo ? O que é o mundo, ó meu Amor ?
O jardim dos meus versos todo em flor ...
A seara dos teus beijos, pão bendito ...

Meus êxtases, meus sonhos, meus cansaços ...
São os teus braços dentro dos meus braços,
Via Láctea fechando o Infinito.

sinto-me: EM ALTA...
tags: , ,
publicado por mcm às 19:31
link do post | comentar | favorito

DIDO...

 

«THANK YOU...»

 

http://www.youtube.com/watch?v=qM4F31AtcjA

 

PORQUE DIDO É LINDA E CANTA BEM, AQUI FICA, PARA QUEM GOSTAR...

POR MIM, GOSTO.

 

sinto-me: apressadíssima...
publicado por mcm às 14:05
link do post | comentar | favorito

«O diário de Rita»...

(continua)

...

Só tretas! A vida, por vezes, tem dias e programas assim! Tudo tretas!

Rita acabou de se levantar e o programa de lazer, previamente, marcado para hoje, não se cumprirá...

- E não se cumprirá porque Rita não quer.

Rita tem dias assim. Não quer ter compromissos de espécie alguma.

Prefere a sua casa, os seus jornais e o seu telefone... e escrever e conversar  e ler; ou não fazer nada!

Rita tem pouco tempo para estar a sós consigo! E isso dá-lhe prazer e sente -lhe a falta... Rita é boa companhia para si mesma!

Hoje Rita falhou o contrato (que nunca assinou) e disse que não iria, nem arrastada, à feira gastronómica lá para os lados do Ribatejo...

- Em tempos, Rita ia, todos os anos, lá. Umas vezes gostou; outra detestou.

E detestou porque, da última vez que lá foi, foi atendida por um homem, “todo despachado” que cortava o presunto, para a palma da sua mão e depois, o colocava no prato; fazia os trocos com as mesmas mãos( sempre sem luvas e sem serem lavadas) e Rita, ainda hoje, quando se lembra desse repugnante episódio fica com vómitos(literalmente) e repudia essa ideia de “tasquinhas”, em feiras gastronómicas. As “tasquinhas” são uma farsa higiénica e até os preços, também; são uma exploração...

Hoje Rita comerá só iogurtes, maçãs e queijo fresco (para desenjoar)... e talvez uma fatia de pão:

- Em sua casa e sem tropelias higiénicas... e lá para a noite, jantará; bem!

Rita tem dias destes. Fica sem paciência para fazer fretes.

O seu querido amigo vai perdoar-lhe e Rita até já lhe prometeu (e vai cumprir) ir à tourada com ele, ao Campo Pequeno... numa quarta-feira próxima e em que dê jeito aos dois. Será em breve! (disse ele)

Rita, embora tenha “pena” (relativa) do touro, gosta de touradas:

- Pela cor, pelo movimento, pela estética, pela luxúria dos “bailados” dos toureiros, peões de brega, forcados... e pelo toureio-a-cavalo que considera de alta performance... e os trajes, e a assistência aficionada... Pela «fiesta»!

Muitos desprezam Deus, muitos desprezam as touradas e Rita, não despreza nem a Um e nem  as outras...

Vai e vê no que dá; e normalmente diverte-se ou vem de lá melhor do que foi.

- Deus, se existe, que Rita saiba, nunca lhe fez mal nenhum; as touradas distraem-na...

Hoje Rita não irá comer petiscos, a uma feira gastronómica, aonde a falta de higiene pode ser um atentado maior que espetar uma bandarilha ou um ferro curto no dorso “poderoso” de um touro...

São pontos de vista! Uns concordarão, outros nem tanto!...

- É a vida! (com e sem tretas) Conclui Rita!

...

Continua

sinto-me: enjoada...
tags: ,
publicado por mcm às 10:54
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sábado, 24 de Outubro de 2009

INSPIRAÇÃO NOCTURNA...

 

«A FRASE» 

"BOA É A VIDA! MAS MELHOR É O VINHO."

( Fernando Pessoa)

sinto-me: noctívaga...apressada
publicado por mcm às 20:35
link do post | comentar | favorito

JORGE PALMA...

 

«DORMIA TÃO SOSSEGADA...»

 

http://www.youtube.com/watch?v=FIjoUiJvmDA

 

... E EU FUI-ME CHEGANDO A ELA... E OS PRECONCEITOS AUSENTES... 

sinto-me: SEM PRECONCEITOS...
tags:
publicado por mcm às 19:11
link do post | comentar | favorito

«O diário de Rita»...

(continuação)

...

Agora que acordámos, que demos os primeiros beijos deste dia ainda a começar, que nos abraçamos com força e ternura, carinhosas; e que de novo nos preparávamos para adormecer; enleados, um no outro, qual ramo ao tronco - a tua perna pesada e  forte e comprida, por cima da minha, mais esguia e curta e leve - agora, neste momento exacto em quase me esqueço de ti e de mim e nem sei se é bom  ou se é mau; em que quase durmo e tu já o fazes - displicentemente - satisfeito contigo mesmo e sem te importares com nada nem ninguém à tua volta; agora e a despropósito, tocam à porta, com insistência, e, tudo o que era para ser e seria – de certeza – bom: agora, tudo se acabou; quase abruptamente e sem poesia nem romance; nem sono, nem abraços, nem mais “despertares” juntos. Finito! Tudo finito! Tudo interrompido e acabado.

Rita levanta-se e vai, sonolenta, ver quem será o intruso... que ousa bater-lhe, nessa quase madrugada de sábado, à sua campainha...

-E era SÓ o homem da tv/zon a fazer a sua publicidade!... Mais uma vez.

Mal disposta, Rita fecha a porta e pragueja, baixinho, e só para si própria:

- “Raios partam o homem da ZON, mais os seus timings de trabalho... e mais os dias e as horas que escolhe... e mais o diabo que o carregue e o patrão que o mandou... todos para o inferno!"

Rita regressa de novo ao quarto, enfia-se sorrateira na cama, e, ali, naquele antro de paz e penumbra, “ninguém” parece ter dado por nada de nada do que aconteceu, que não ela. O mundo parou para quem ali dorme na sua cama...

- Tudo sossego, tudo silêncio, tudo sono profundo e justo e de paz e reconforto.

E Rita aconchega-se e encosta-se e pragueja, mais uma vez, agora, ainda mais baixinho:

- “Raios partam, também, os homens que dormem, como pedras, a qualquer hora...seja como for e ao pé de quem for”.

E Rita pede agora desculpas, a si própria, mais uma vez, por dizer estes  impropérios que só ela mesma ouve; e fica quietinha, à espera que o seu sono volte; ou que “alguém” ali acorde; ou que batam de novo à porta... e este «filme» de desconchavo e «enlevo» matinal termine, pois está a dar  com Rita em doida varrida...

Rita não aguenta estas manhãs de sono interrompido e forçado... seja por que motivo for!

- Rita gosta das manhãs, fora da cama e a ver o sol ou a chuva: acordada. Bem acordada! Viva! Desperta!

...

Continua

sinto-me: BRONZEADA das ideias
publicado por mcm às 10:43
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 23 de Outubro de 2009

MARISA MONTE...(2)

 

«ALTA NOITE»

 

http://www.youtube.com/watch?v=k1XY1DBU1D4

 

ESTE VIDEO É UMA DELICIA E MARISA MONTE É MARAVILHOSA...

O POEMA É PARA SEGUIR  E TRAUTEAR...

 

Aqui fica...

 

Alta noite já se ia, ninguém na estrada andava
No caminho que ninguém caminha, alta noite já se ia
Ninguém com os pés na água
Nenhuma pessoa sozinha ia
Nenhuma pessoa vinha
Nem a manhãzinha, nem a madrugada
Nem a estrela-guia, nem a estrela d'alva
Alta noite já se ia, ninguém na estrada andava
No caminho que ninguém caminha, alta noite já se ia
Ninguém com os pés na água
Nenhuma pessoa sozinha ia
Nenhuma pessoa vinha
Nem a manhãzinha, nem a madrugada
Nem a estrela-guia, nem a estrela d'alva
Alta noite já se ia, ninguém na estrada andava
No caminho que ninguém caminha, alta noite já se ia
 

sinto-me: apressada
publicado por mcm às 20:41
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

«O diário de Rita»...

(continuação)

...

Todas as sextas-feiras deveriam ser sextas de paixão e paixões - pensa Rita, uma mulher apaixonada e de paixões.

- De paixão pela vida: boa e feliz. De paixão pelo trabalho: útil e que nos torna produtivos e encaixados numa estrutura onde todos somos necessários. De paixão pelas pessoas que nos tornam a vida melhor; e de paixão, igual e verdadeira, pelos que nos infernizam os dias e nos fazem sentir medo deles pelo mal que nos provocam...

Todas as sextas-feiras deveriam ter um lugar para as nossas paixões, as mais intimistas: as aceitáveis porque consensuais, e, principalmente, as menos recomendáveis... as que consumimos na clandestinidade dos nossos recantos de alma. Isto é o que Rita sabe das paixões que tem vivido e sonhado...

Que todas as sextas-feiras deveriam ser dedicadas a ser só de paixões:

- Deveriam ser sextas-feiras de paixão pelas borboletas, azuis; pelos arco-íris, plenos; pelos lírios - roxos; pelas romãs e diospiros - maduros; pelo pão quente e estaladiço; pela marmelada acabada de fazer e a cheirar a mimos da avó; por uma caneca de café de cevada, quente; por um perfume floral e primaveril; por uma camisola verde com riscas brancas, ainda que o nosso clube seja o Benfica; e, etc, etc, etc...

- E de paixão pelos homens: bonitos, bem lavados, bem vestidos e bem falantes e com ideias daquelas que nos apaixonam e prendem a eles para sempre... e nos fazem sentir apaixonadas, por eles, e nos fazem sentir vontade de fazer sexo, com eles, na nossa cama ou na cama deles, ou no chão, ou no elevador, ou na relva de um campo abandonado e solitário; onde teremos só por testemunha o sol, os pássaros e o azul... e nós dois ali!

As sextas-feiras das paixões deveriam ser legisladas e com aprovação nas instâncias adequadas, de imediato; e após a sua entrada em vigor, serem ferozmente fiscalizadas, na sua execução minuciosa:

- De todas as alíneas, subalíneas e adendas...

 A Lei das Paixões das Sextas-Feiras de Paixão após a sua entrada em vigor era uma lei vitalícia; para cada cidadão a partir do dia do seu nascimento e enquanto estivesse no activo ou fora do activo... (Vivo, quer Rita dizer)...

- Enquanto vivesse estava por lei obrigado a viver em paixão; com, para e das suas paixões.

...

Continua

sinto-me: apaixonada pela vida
publicado por mcm às 11:11
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 22 de Outubro de 2009

JOHNNY NASH...

 

« I CAN SEE CLEARLY NOW...»

 

http://www.youtube.com/watch?v=NkwJ-g0iJ6w

 

ESTA É UMA DAS MINHAS CANÇÕES FAVORITAS!

... ENTRE MAIS UMAS DEZ MIL... OU VINTE MIL...

MAS MESMO A SÉRIO: EU FICO SEMPRE COMPENSADA INTERIORMENTE, QUANDO ESCUTO ESTE, TÃO INSINUANTE, SENHOR A CANTAR ESTA CANÇÃO...

 

PS: 1- ATÉ TEM UMAS PARECENÇAS COM ALGUÉM ... QUE AGORA NÃO DIGO.

- É PARA ADIVINHAREM AÍ EM CASA ...

MAS DEIXO UMA DICA:

- TEM UM CÃO DE ÁGUA...

 

PS-2- REPAREM, PF, NA EDUCAÇÃO ESMERADA DAS VACAS: ESPERAM, ORDEIRAMENTE, A SUA VEZ PARA BEBER...

 

sinto-me: divertida
tags:
publicado por mcm às 18:59
link do post | comentar | favorito

.Eu...

.pesquisar

 

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Primeiras chuvas de Outon...

. Outono!

. Primavera!

. Hoje

. O circo

. Diz-se ...

. Destralhar ?

. Que triste!

. Mais um Natal!

. E aquele Blatter ?! ...

.arquivos

. Outubro 2016

. Setembro 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Agosto 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.Subscrever feeds

.links

.favoritos

. VIAGEM A PARIS E (DE GRAÇ...

. Diário de Rita... o beijo...

. «O diário de Rita»...home...

. «O diário de Rita»...

. O meu Blog Original...

. Boa Páscoa...

. Surpresa pela negativa!