Terça-feira, 16 de Fevereiro de 2010

«O diário de Rita»... o gajo morreu...

...

- Está bem! Se me achas mesquinha, também, para ti, isso parece-me um desconchavo! Sei que gostas de confundir frontalidade, com discussões menores e assuntos de pequenez mental. Dá-te jeito.

Há muito que te vinha alertando para essa tua relação, quase patológica, com o dinheiro; e com a tua falta de sensibilidade para o gastares, bem - ao dinheiro! É que ter dinheiro pode ser bom, mas se não nos der prazer gastá-lo, para que nos serve, então, tê-lo?

- Uma enorme quantidade de «massa,» no banco, sem lhe darmos qualquer utilidade, de que é que nos serve?

Quase me parece uma coisa parecida, com aquelas pessoas que morrem de fome - mas que têm as arcas frigoríficas cheias de comida - só porque estavam a guardar tudo, para os «tempos difíceis que aí vêm»... e, entretanto, morreram de fome e com a comida ao lado! É uma enorme patetice e até me parece, a mim, estupidez. O dinheiro é para investirmos, criarmos riqueza e darmos prazer, a nós e aos outros, e para o respeitarmos.

Eu não ligo nada ao dinheiro, mas o pouco que tenho, faço-o circular...

- Compro coisas que me dão prazer, vou a sítios onde me divirto, tenho roupas e outras futilidades e ainda tenho algumas aplicações, em investimentos seguros... Mas, não sou escrava dele e muito menos vivo para enriquecer! Até porque, se compararmos a tua vida e a minha, tu tens imenso dinheiro e és um sem graça, um “cinzentão”! Eu tenho pouco dinheiro, vivo e não peço nada a ninguém e sou feliz e alegre com a vida em geral.

Responde-me então ao seguinte:

- De que te serve teres esse dinheiro todo, se não te divertes, não ajudas ninguém e não crias riqueza?

Estou mesmo a ouvir os teus familiares a dizerem, na galhofa, uns para os outros:

- «O «gajo» morreu mas não levou com ele, nem um euro! Deixou-o cá todo - ao pilim! Para nosso bem...»E vão estoirar tudo, num ápice, que é o que toda a gente que não trabalha, faz ao dinheiro que lhe «cai do céu» aos trambolhões...

Como sabes, eu digo-te estas coisas, porque te aprecio e acho que deverias viver melhor, a tua vida. Deverias saborear, com mais qualidade, o prazer de podermos gastar algum dinheiro, connosco.

Mas tu dizes-me sempre o mesmo:

- “Rita, não me aborreças com as tuas futilidades e manias das grandezas!"... E eu encolho os ombros, e, cá por dentro, rio-me de ti.

...

sinto-me: a divagar...
publicado por mcm às 11:12
link do post | comentar | favorito

.Eu...

.pesquisar

 

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Primeiras chuvas de Outon...

. Outono!

. Primavera!

. Hoje

. O circo

. Diz-se ...

. Destralhar ?

. Que triste!

. Mais um Natal!

. E aquele Blatter ?! ...

.arquivos

. Outubro 2016

. Setembro 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Agosto 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.Subscrever feeds

.links

.favoritos

. VIAGEM A PARIS E (DE GRAÇ...

. Diário de Rita... o beijo...

. «O diário de Rita»...home...

. «O diário de Rita»...

. O meu Blog Original...

. Boa Páscoa...

. Surpresa pela negativa!