Domingo, 1 de Novembro de 2009

«O diário de Rita»...

 (continuação)

...

Rita acordou cedo porque dormiu pouco, e mal; e, enquanto tenta arranjar coragem para iniciar o seu novo dia de vida, Rita senta-se, um pouco, numa esplanada e pede um café duplo; e, enquanto absorve essa tão necessária «droga» matinal, pensa coisas ao acaso:

- E Rita pensa nas pessoas inconstantes e com comportamentos bizarros! Aquelas que hoje nos metem no coração e fazem juras eternas, de amores eternos, e que, passadas umas horas, nos atiçam os cachorros, nos hostilizam, nos despedaçam o coração e até nos maltratam, fisicamente; se as deixarmos... ( coisa que com Rita, seria muito pouco provável.)

Rita conhece algumas pessoas assim, e, apelida-as de «esquizofrénicas». Vivem num banco de dados diferente: irreal!

Rita gosta da loucura e da excentricidade! Rita odeia, de igual forma, a maluqueira, a doideira e a banalidade. E já agora a inconstância  das mentes esquizofrénicas... e os oportunismos...

Rita fala nestas coisas, porque acha que anda «tudo» maluco! ( os loucos que a desculpem)

Enquanto bebe o seu café, (hoje duplo) matinal, Rita, e por mero  acaso, recorda uma pessoa que há dias e sem que Rita lhe pedisse nada, a queria catapultar para os píncaros da sua esfera mais intima, mais próxima, mais afectiva e de admiração pessoal... quase o «seu» ídolo privado! Rita, assim sem querer, nem saber, nem contar, era quase uma heroína, uma pessoa fantástica, uma mulher maravilhosa... Asim, com um estalar de dedos... por artes mágicas...

Mas, passadas umas horas e, sem qualquer explicação, facto, ou motivo (concreto ou abstracto), essa mesma pessoa quase deixou de lhe falar!

- Assim mesmo e sem mais explicações! Procede com se, quase, não conhecesse Rita, de lado nenhum; mas conhece.

Rita, que até nem simpatizava muito com a personagem, lá bem no seu intimo, até agradeceu, mas agora e, pensando bem no assunto, Rita conclui da seguinte forma:

- Livrai-nos Deus de todos os males, presentes e futuros e, especialmente dos malucos que se abeiram de nós, sem que lhes peçamos nada de nada... e só querem perturbar a nossa Paz e intrometer-se aonde não devem; e até nem sabem meter-se; e, nem sabem no que se metem, ou meteriam se viessem a meter-se em alguma coisa... (comigo em especial, que os topo - pensa Rita)

Rita não tem qualquer paciência para doidos ou doidas! Nem para oportunistas e interesseiros!

E porque hoje é Domingo, Rita assina assim:

- Ámen!

...

continua 

sinto-me: louca q.b.
publicado por mcm às 11:22
link do post | comentar | favorito

.Eu...

.pesquisar

 

.Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Primeiras chuvas de Outon...

. Outono!

. Primavera!

. Hoje

. O circo

. Diz-se ...

. Destralhar ?

. Que triste!

. Mais um Natal!

. E aquele Blatter ?! ...

.arquivos

. Outubro 2016

. Setembro 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Agosto 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.tags

. todas as tags

.Subscrever feeds

.links

.favoritos

. VIAGEM A PARIS E (DE GRAÇ...

. Diário de Rita... o beijo...

. «O diário de Rita»...home...

. «O diário de Rita»...

. O meu Blog Original...

. Boa Páscoa...

. Surpresa pela negativa!